01/05/2017

Evangelho e comentário


Tempo de Páscoa


Evangelho: Mt 13, 54-58

54Tendo chegado à sua terra, ensinava os habitantes na sinagoga deles, de modo que todos se enchiam de assombro e diziam: «De onde lhe vem esta sabedoria e o poder de fazer milagres? 55Não é Ele o filho do carpinteiro? Não se chama sua mãe Maria, e seus irmãos Tiago, José, Simão e Judas?56Suas irmãs não estão todas entre nós? De onde lhe vem, pois, tudo isto?» 57E estavam escandalizados por causa dele. Mas Jesus disse-lhes: «Um profeta só é desprezado na sua pátria e em sua casa.» 58E não fez ali muitos milagres, por causa da falta de fé daquela gente.

Comentário:

Parece normal que se tenha algum pudor ou até vergonha de falar das coisas de Deus, fazer apostolado, com pessoas que nos são próximas, familiares ou amigos íntimos.

Afinal conhecem-nos bem e poderão estranhar ou não levar muito a sério a nossa atitude.

É normal, repito, mas nem por isso deixa de ser uma manifestação de respeito humano.

Pensemos que se de facto são nossos amigos e nos conhecem poderão estranhar que não lhes falemos do que nos move na nossa vida de cristãos.

(AMA, comentário sobre Mt 13, 54-58, 2015.07.31)





Sem comentários:

Enviar um comentário