10/06/2017

Epístolas de São Paulo – 96

Carta aos Hebreus - cap 3

II. JESUS, SUMO SACERDOTE FIEL E MISERICORDIOSO (3,1-5,10)

Fidelidade de Moisés e de Jesus

- 1Por conseguinte, irmãos santos, participantes de uma vocação celeste, considerai Jesus como o Apóstolo e o Sumo Sacerdote da fé que professamos, 2o qual é fiel ao que o constituiu, como Moisés o foi em toda a sua casa. 3Ora, Ele foi considerado mais digno de glória do que Moisés, tal como maior é a honra do construtor da casa do que a da própria casa. 4Toda a casa, com efeito, é edificada por alguém, mas foi Deus quem tudo construiu. 5Moisés, na verdade, foi fiel em toda a sua casa, como servo, para dar testemunho de tudo o que devia ser anunciado; 6Cristo, porém, o foi como Filho sobre a sua casa, que somos nós, se conservarmos a confiança e a esperança de que nos gloriamos.

Entrada no repouso de Deus pela fé (Sl 95,7-11)


- 7Por isso, como diz o Espírito Santo: Hoje, se escutardes a sua voz, 8não endureçais os vossos corações, como no tempo da revolta, no dia da tentação no deserto, 9quando os vossos pais me tentaram, pondo-me à prova, depois de verem as minhas obras, 10durante quarenta anos. Por isso me indignei contra esta geração e disse: ‘Erram sempre no seu coração; não conheceram os meus caminhos.’ 11Assim, jurei na minha ira: ‘Não entrarão no meu repouso.’ 12Tende cuidado, irmãos, que não haja em nenhum de vós um coração mau, a ponto de a incredulidade o afastar do Deus vivo. 13Exortai-vos, antes, uns aos outros, cada dia, enquanto dura a proclamação do «hoje», a fim de que não se endureça nenhum de vós, enganado pelo pecado. 14De facto, tornamo-nos companheiros de Cristo, desde que mantenhamos firme até ao fim a confiança inicial. 15Ele diz: Hoje, se escutardes a sua voz, não endureçais os vossos corações, como no tempo da revolta. 16Quais foram os que se revoltaram, depois de o terem ouvido? Não foram todos os que saíram do Egipto, por meio de Moisés? 17E contra quem se indignou Deus, durante quarenta anos? Não foi contra os que pecaram, cujos cadáveres caíram no deserto? 18E a quem jurou que não entrariam no seu repouso, senão aos que desobedeceram? 19Na realidade, vemos que não puderam entrar, por causa da sua incredulidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário