13/05/2017

Jesus Cristo e a Igreja – 158

Celibato eclesiástico: História e fundamentos teológicos

V. FUNDAMENTOS TEOLÓGICOS DA DISCIPLINA DO CELIBATO

…/115

Fundamento histórico doutrinal

…/11

A segunda passagem da Escritura é encontrada em 1 Coríntios 9, 5, onde São Paulo diz que também ele tem o direito de levar consigo uma mulher, como fazem os outros apóstolos, os irmãos do Senhor e Cefas. Muitos interpretaram a expressão “mulher” como a “esposa” dos Apóstolos, que no caso de Pedro poderia ser verdade. Mas é preciso ter-se claramente presente o facto do texto original grego não falar simplesmente de “Ginaika”, que podia perfeitamente significar também esposa.
Certamente não sem intenção, São Paulo acrescenta a palavra “adelfén”, ou seja, mulher “irmã”, o que exclui qualquer confuso mal-entendido com esposa.

(cont)


(revisão da versão portuguesa por ama)

Sem comentários:

Enviar um comentário