20/12/2016

Graus da perfeição - 11

17 Graus da perfeição


11. Nunca se intrometer naquilo de que não se foi encarregado, nem discutir sobre alguma coisa ainda que se esteja com a razão.

E, no que tiver sido ordenado, não imaginar que se tem obrigação de fazer aquilo a que, bem examinado, nada obriga.



(são joão da cruz, em Pequenos Tratados Espirituais)


(tradução por ama)

Sem comentários:

Enviar um comentário