30/10/2016

Satanismo - 6

Satanismo

O Demónio e a Eucaristia

…/6

Chegou a hora da consagração do cálice.

Mais uma vez curvei-me, pronunciando clara e distintamente, mas em voz baixa, as palavras da consagração: “Hic est enim calix sanguinis mei, novi et aeterni testamenti; mysterium fidei; qui pro vobis et pro multis effundetur em remissionem pecatorum. Haec quotiescumque feceritis in mei memoriam facietis” (Este é o cálice do meu sangue, o sangue da nova e eterna aliança, o mistério da fé, que será derramado por vós e por muitos para a remissão dos pecados. Todas as vezes que fizerdes isso, fazei-o em memória de mim).

Então, ouvi mais um ruído, desta vez um inegável gemido e, logo em seguida, um grito de alguém que clamava: ‘Jesus, deixe-me em paz! Por que me tortura?’.
Houve de repente um barulho que lembrava uma briga e alguém correu para fora com um som de gemidos, como de quem tivesse sido ferido.
As portas da igreja se abriram e em seguida fecharam.
Depois, o silêncio.

(cont)

p. charles pope

Revisão da versão portuguesa por ama.

Sem comentários:

Enviar um comentário