09/09/2016

Evangelho e comentário


Tempo Comum

Evangelho: Lc 6, 39-42

«Naquele tempo, disse Jesus aos discípulos a seguinte parábola: «Poderá um cego guiar outro cego? Não cairão os dois nalguma cova? O discípulo não é superior ao mestre, mas todo o discípulo perfeito deverá ser como o seu mestre. Porque vês o argueiro que o teu irmão tem na vista e não reparas na trave que está na tua? Como podes dizer a teu irmão: ‘Irmão, deixa-me tirar o argueiro que tens na vista’, se tu não vês a trave que está na tua? Hipócrita, tira primeiro a trave da tua vista e então verás bem para tirar o argueiro da vista do teu irmão».

Comentário:

O mal de muitos consiste na facilidade em tecer juízos e emitir críticas sobre os outros.
Nesta atitude encerra-se um auto-convencimento que nos leva sub-repticiamente, a considerar que somos exemplo e modelo a seguir.

Esta é sem dúvida a conclusão lógica do orgulho pessoal.

(ama, comentário sobre Lc 6 39-42, 2014.09.12)








Sem comentários:

Enviar um comentário