19/09/2016

Evangelho e comentário


Tempo Comum

Evangelho: Lc 8, 16-18

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: «Ninguém acende uma lâmpada para a cobrir com uma vasilha ou a colocar debaixo da cama, mas coloca-a num candelabro, para que os que entram vejam a luz. Não há nada oculto que não se torne manifesto, nem secreto que não seja conhecido à luz do dia. Portanto, tende cuidado com a maneira como ouvis. Pois àquele que tem, dar-se-á; mas àquele que não tem, até o que julga ter lhe será tirado».

Comentário:

Pode dizer-se que este texto de São Lucas versa sobre a verdadeira humildade pessoal.
Ser-se aquilo que se é e agir em conformidade.
Se sou cristão tenho de pensar e, sobretudo, agir como tal o que não poderei nunca fazer eficazmente sem uma formação segura e completa sobre as verdades da Fé.
Até ao último sopro de vida, desta vida terrena, procurar com afinco e perseverança adquirir esses sólidos fundamentos deverá ser a nossa principal preocupação e, não colhe a falsa “teoria” de passar despercebido, vem pelo contrário, a nossa luz deve iluminar todos os ambientes onde nos movemos.

(ama, comentário sobre Lc 8, 16-18, 2014.09.21)









Sem comentários:

Enviar um comentário