12/08/2016

Bento XVI – Pensamentos espirituais 103

«Na verdade, a paz»


Quando o Homem se deixa iluminar pelo esplendor da verdade, torna-se interiormente um corajoso artífice da paz.


Angelus, (1.Jan.06)


(in “Bento XVI, Pensamentos Espirituais”, Lucerna 2006)

Sem comentários:

Enviar um comentário