14/02/2017

Reflectindo - 226

Visita ao SS

Na presença da do Senhor, na Hóstia Consagrada em exposição permanente aqui no Convento das Clarissas em Monte Real, fico-me extasiado pela simplicidade grandiosa de tal sacramento.

Simplicidade grandiosa, digo, porque na imensidão da Sua misericórdia e do Seu amor, o Senhor como que se "aninha" num pedaço de pão branco que de pão só tem a aparência já que a substância é o Seu verdadeiro corpo tão real como está no céu, com todas as suas propriedades, alma corpo e divindade.

E não se percebe nem entende como é possível, exactamente porque de tão extraordinário e sublime se torna quase inacreditável.

E, no entanto, é verdade e eu pobre homem que não sei nada, não sou nada, acredito que assim é.

Perante a minha pequenez e pouca coisa, confesso que me assusta pensar como posso eu ser testemunha viva de tal.

Só por uns escassos minutos diante da santíssima Eucaristia penso que vale a pena ter nascido.
Ao mesmo tempo penso no que tenho de retribuir por tão grandes graças e benefícios.

Deus sabe muito bem o que sou e como sou:

Coração grande nos desejos vontade pequena nos actos.

Ajuda me a merecer, ajuda-me a agradecer, ajuda-me a viver como queres que viva.


AMA, reflexões, Monte Real, Convento, 2016.10.30


Sem comentários:

Enviar um comentário