10/10/2016

Evangelho e comentário


Tempo Comum

Evangelho: Lc 11, 29-32

29 Concorrendo as multidões, começou a dizer: «Esta geração é uma geração perversa; pede um sinal, mas não lhe será dado outro sinal, senão o sinal do profeta Jonas. 30 Porque, assim como Jonas foi sinal para os ninivitas, assim o Filho do Homem será um sinal para esta geração. 31 A rainha do meio-dia levantar-se-á no dia do juízo contra os homens desta geração, e condená-los-á, porque veio dos confins da terra para ouvir a sabedoria de Salomão; e aqui está Quem é mais do que Salomão. 32 Os ninivitas levantar-se-ão no dia do juízo contra esta geração, e condená-la-ão, porque fizeram penitência com a pregação de Jonas; e aqui está Quem é mais do que Jonas!

Comentário:

Talvez pudéssemos perguntar:

O que diria o Senhor desta nossa geração?
Provavelmente as Suas palavras seriam bastante mais "fortes" e "contundentes".

Porquê?

Porque a nossa responsabilidade é muito maior, temos incomparavelmente mais conhecimentos, recebemos ao longo dos séculos inúmeros sinais que confirmam a doutrina, inúmeros santos nos deram exemplos de vida, uma multidão de mártires que regou com o seu sangue a árvore da Santa Igreja Católica.

Sim, recebemos muito mais, por isso o Senhor pode exigir-nos mais.

(ama, comentário sobre, Lc 11, 29-32, 2016,02.17)








Sem comentários:

Enviar um comentário