30/03/2018

Temas para meditar e reflectir

Sexualidade


A distinção dos sexos não surge, como afirmavam alguns mitos da antiguidade, a partir de uma queda ou uma decadência original.

É fruto do desígnio de Deus.

Compõe a dimensão básica da sociabilidade humana.

E não só enquanto fonte de fecundidade e procriação, mas também enquanto capacidade e tendência a reflectir o amor nas suas diferentes modalidades, sempre sobre a base de que a pessoa, cada pessoa, se converte em «dom sincero de si» e «acolhimento do outro» enquanto único e irrepetível.



(JAVIER ECHEVARRÍA, Itinerários de Vida Cristiana, Planeta, 2001, pg. 143, trad ama)