10/08/2017

Evangelho e comentário

Tempo Comum

São Lourenço

Evangelho: Jo 12, 24-26

24 Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, lançado à terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, dá muito fruto. 25 Quem se ama a si mesmo, perde-se; quem se despreza a si mesmo, neste mundo, assegura para si a vida eterna. 26 Se alguém me serve, que me siga, e onde Eu estiver, aí estará também o meu servo. Se alguém me servir, o Pai há-de honrá-lo.

Comentário:

Seguir Jesus é a mesma coisa que servi-lo?

Não é, de facto a mesma coisa porque não se pode servir a quem não se segue.

Mas, na verdade, que interessa seguir alguém se não for com o intuito, o desejo de ser útil de servir?

E, neste caso, o que é o serviço que Jesus nos pede:

Simplesmente que façamos, em tudo, a Vontade de Seu Pai, tal como Ele próprio o fez.

E, este serviço tem uma “remuneração” garantida:
A salvação eterna!


(AMA, comentário sobre Jo 12, 24-26, 09.05.2017)









Sem comentários:

Enviar um comentário