25/08/2016

Evangelho e comentário


Tempo Comum

Evangelho: Mt 24, 42-51

42 «Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora virá o vosso Senhor. 43 Sabei que, se o pai de família soubesse a que hora havia de vir o ladrão, vigiaria, sem dúvida, e não deixaria arrombar a sua casa. 44 Por isso estai vós também preparados, porque virá o Filho do Homem na hora em que menos pensais. 45 «Quem é, pois, o servo fiel e prudente, a quem o seu senhor colocou à frente da sua família para lhe distribuir de comer a seu tempo? 46 Bem-aventurado aquele servo, a quem o seu senhor, quando vier, achar a proceder assim. 47 Na verdade vos digo que lhe confiará o governo de todos os seus bens. 48 Mas, se aquele servo mau disser no seu coração: “O meu senhor tarda em vir”, 49 e começar a bater nos seus companheiros, a comer e beber com os ébrios, 50 virá o senhor daquele servo no dia em que não o espera, e na hora que não sabe, 51 e mandará açoitá-lo e dar-lhe-á a sorte dos hipócritas; ali haverá choro e ranger de dentes.

Comentário:

Ninguém poderá dizer que não foi insistentemente avisado sobre pois cuidados a ter na preparação da vida eterna.

Mais! Não parece ser nada complicado ou que exija grande esforço já que o que há a fazer é comportar-se com os olhos e o coração postos no Céu sem deixar de ter os pés bem assentes na terra.

No fim e ao cabo, viver como Deus quer.

(ama, comentário sobre Mt 24, 42-51  2015.08.27)








Sem comentários:

Enviar um comentário